Cidade Destaque

36 pessoas morreram por H1N1 em Goiás

(Foto: Reprodução)
As cidades com mais casos de SGRA são Goiânia (350), Aparecida de Goiânia (84), Trindade (64) e Senador Canedo (36).

O novo levantamento da  Secretaria do Estado da Saúde (SES) apontou um total de 1002 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), em Goiás.

O boletim é referente a 18° semana, que vai até o último dia 30 de Abril. Do total de casos, 115 mortes já foram registradas. Deste número, 36 óbitos foram confirmados.

Além disso, o levantamento aponta três mortes que foram causadas pelo subtipo H3N2 e dez por demais tipos de agentes etiológicos como o vírus sincicial respiratório (VSR), parainfluenza e adenovírus

As cidades com mais casos de SGRA são Goiânia (350), Aparecida de Goiânia (84), Trindade (64) e Senador Canedo (36).

Até o momento, 75,56% dos integrantes dos grupos prioritários já foram imunizados, através da campanha de vacinação do Governo Federal, o que equivale a 1.247.763 doses aplicadas.

Comente

Comentários