Cidade Destaque

Moradores protestam contra fechamento do Cais Finsocial

(Foto: Reprodução)
Devido ao protesto, a Prefeitura de Goiânia anunciou que o fechamento da unidade será reavaliado e uma resposta será dada em breve.

O anúncio do fechamento do Cais Finsocial, na Região Noroeste de Goiânia, gerou revolta nos moradores do local e região.

Nesta quarta-feira (11), um grupo de moradores do setor, organizou um protesto em frente à unidade, pedindo que as autoridades de saúde voltassem atrás na decisão de fechar o local.

Os populares seguraram cruzes brancas na porta da unidade para protestar contra a precariedade no atendimento, sobretudo de emergência.

Membros da Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Saúde da Câmara Municipal estiveram no Cais nesta segunda-feira (9) e identificaram que falta pessoal e equipamentos necessários para o atendimento aos pacientes.

No local, conforme o presidente da Cei, Vereador Clécio Alves (MDB) há um aparelho de raio-x parado por falta do filme necessário para a “impressão” dos exames. O vereador aponta que, atualmente, os pacientes que precisam do serviço são encaminhados para a Santa Casa de Misericórdia de Goiânia.

Devido ao protesto, a Prefeitura de Goiânia anunciou que o fechamento da unidade será reavaliado e uma resposta será dada em breve.

Comente

Comentários